projetos vinculados ao BIOTA
RESEARCHES

O Programa de Pesquisas em Caracterização, Conservação, Restauração e Uso Sustentável da Biodiversidade – BIOTA tem o objetivo de mapear e analisar a biodiversidade, incluindo a fauna, a flora e os microrganismos, mas, também, avaliar as possibilidades de exploração sustentável de plantas ou animais com potencial econômico e subsidiar a formulação de políticas de conservação dos remanescentes florestais. Os projetos são desenvolvidos sob a responsabilidade de um Pesquisador Principal vinculado a instituições superiores de ensino e pesquisa no Estado de São Paulo. A seleção é feita por meio de análise pelos pares.

 AUXÍLIOS  à Pesquisa
Em andamento

› Desimpedimento taxonômico de vespas aculeadas: visões micro e macro-regionais da fauna neotropical, AP.BTA.TEM

A Taxonomia consiste no ramo da biologia que nomeia, descreve, identifica e classifica espécies e grupos, viventes e extintos, o que a qualifica como uma importante ciência que serve como base principal para qualquer política que tenha como objetivo evitar a crise de biodiversidade atual. Em contrapartida à necessidade de taxonomistas, tem havido um declínio no número de profissionais …

› Filogenia, biogeografia e diversificação de cactos na América do Sul, AP.BTA.R

A expansão de ambientes áridos e semiáridos no globo é frequentemente associada às alterações climáticas que ocorreram entre o Mioceno e o Plioceno. Apesar da relevância desses eventos climáticos para a diversificação de plantas em ambientes xéricos (secos), poucos estudos têm sido conduzidos sobre o papel da expansão da aridez como mecanismo de diversificação na América do Sul.

› Etnobotânica participativa: conservação e desenvolvimento local no Parque Estadual Serra do Mar – Núcleo Picinguaba, Ubatuba, SP, Brasil – fase 2, AP.BTA.R

A presente proposta se enquadra no Tema Prioritário do presente edital: 10. Outras pesquisas que auxiliem a efetividade da gestão de Unidades de Conservação, em consonância com as Metas de Aichi. Entre 2015-2018 foram realizados por esta equipe levantamentos etnobotânicos participativos nos Quilombos da Fazenda e Cambury, que ocupam uma área do Parque Estadual Serra do Mar (PESM).

Concluídos

› Characiformes miniaturas (Teleostei: Ostariophysi): evolução, diversidade e biogeografia, AP.BTA.JP

São listadas até o momento 87 espécies de Characiformes miniaturas, aquelas cujo tamanho não ultrapassa 26 mm de comprimento padrão. Espécies miniaturas são comumente associadas à presença de caracteres morfológicos redutivos, como ausências e simplificações ósseas, provavelmente resultantes de processos heterocrônicos envolvidos na evolução da miniaturização.

› Projeto Animálculo: investigando a biodiversidade microscópica, AP.BTA.R

Desde o século XVII microscópios são utilizados para observação da vida microscópica. O uso de microscópios tem um papel importante tanto no estudo como no ensino da Biologia, porém muitas escolas não têm estrutura para ministrar aulas práticas com uso destes equipamentos. Algumas alternativas têm surgido, como o desenvolvimento de microscópios virtuais.

› Educação e biodiversidade: produção, validação e avaliação de sequências didáticas investigativas de ecologia, AP.BTA.R

O presente projeto parte de um conjunto de perguntas frequente nas escolas: Como o ensino de biologia (especialmente os conteúdos de ecologia) pode auxiliar uma cidadã ou um cidadão a opinar sobre problemas relativos à preservação e conservação da biodiversidade? Como seriam as propostas didáticas que levam à compreensão de processos relacionados à biodiversidade?